Home » Notícias » Aniversário de um ano da Associação Rede Brasilidade Solidária

Aniversário de um ano da Associação Rede Brasilidade Solidária

A Rede Brasilidade Solidária (RBS) teve início como um projeto de extensão da Universidade do Estado do Rio de Janeiro no ano de 2012. Nesses cinco anos, antes de ser formalizada como uma associação, foram realizados diversos trabalhos, formamos mais de cem pessoas em nossos cursos de extensão em turismo e redes.

Trabalhamos nas favelas do Borel, do Complexo do Alemão e da Rocinha. Ainda no Rio de Janeiro, fizemos trabalhos em Barra de Guaratiba e Pedra de Guaratiba e apoiamos o grupo de estudantes da UERJ Manga Rosa, que faz experimentos de agricultura urbana no Campus Maracanã da UERJ.

Promovemos o turismo rural e a agricultura orgânica em Teresópolis e Nova Friburgo. Montamos e testamos roteiros e, em todos esses momentos de trabalhos como projeto de extensão, constatamos a necessidade de envolver ainda mais as pessoas, mas elas não poderiam se vincular a UERJ imediatamente, no entanto, podiam se vincular com mais força caso fosse formada uma associação. Além disso, começamos a perceber que alguns dos projetos necessitavam muito de apoio financeiro para que pudessem caminhar por conta própria e que uma associação poderia ser muito útil para ajudar na captação de tais recursos.

Desse modo, no dia 09/12/2017, reunimos um grupo de quinze pessoas e formamos o primeiro coletivo formalizado de protagonistas da RBS e, agora, em dezembro de 2018, completamos um ano. Nossa documentação já passou pelo cartório, mas o tão esperado CNPJ ainda não saiu. Estamos esperando a conclusão do processo na receita federal.

No entanto, já trabalhamos bastante nesse primeiro ano. Vale ressaltar, que todos os protagonistas são voluntários e atuam na RBS por compartilharem alguns dos objetivos da organização. Algumas protagonistas que estavam na fundação já não estão mais conosco. Alguns mudaram de cidade, outros simplesmente desistiram de trilhar um caminho ao lado da RBS, ao mesmo tempo em que outros chegaram para caminhada. Sabemos que é natural certa volatilidade em grupos sociais e que isso não irá abalar o grupo ao ponto de deixarmos de perseguirmos nossos nobres objetivos.

A seguir, apresentaremos uma lista dos trabalhos realizados no primeiro ano de formalização da RBS como uma associação.

  1. Criação de um novo roteiro turístico em Teresópolis. Nós denominamos o roteiro de “Caminhada Filosófica”. Fizemos cinco edições no ano. Atualmente, o roteiro está sendo feito de bicicleta também.
  2. Projeto “RBS recicla”. Montamos pontos de coleta de materiais recicláveis na UERJ Teresópolis (ponto público), no Hotel Intercity, no Esquina Food Park e no condomínio Central Park. Todos esses pontos estão funcionando atualmente e outros estão em fase de consolidação.
  3. Jardim Sensorial da RBS. Neste projeto promovemos a educação ambiental e o turismo no município de Teresópolis.
  4. Organizamos um seminário sobre Economia Criativa e Colaborativa e uma Festa Junina no bairro do Quebra Frascos.
  5. Criamos o evento “Inspira Sexta”, que reúne pessoas para um bate papo inspirado por intelectuais todas segundas sextas-feiras de cada mês.
  6. Participamos do evento do SEBRAE na Praça de Santa Teresa.
  7. Participamos do I Festival de Churros de Teresópolis.
  8. Participamos do I Encontro de Educação Ambiental da Feira Orgânica de Teresópolis.
  9. Aplicamos a metodologia de planejamento turístico “Desenvolvimento Turístico Integrado – DTI” em Guapimirim e estamos produzindo o sétimo documentário da RBS, desde sua concepção como Rede em 2012, intitulado de “Guapimirim: serra, rio e mar”.
  10. Ajudamos a trazer para Teresópolis o “I Simpósio Brasileiro de Agricultura Familiar 4.0”.

O ano de 2019 promete ser ainda mais inspirador para os protagonistas da RBS, pois será o ano em que trabalharemos com o nosso CNPJ. Temos expectativa de trabalharmos com apoio financeiro, para que tenhamos ainda mais força para transformarmos a realidade por meio do protagonismo do coletivo da RBS.

Feliz aniversário para nós e muitos anos de protagonismo.